O que significa Turn Over e qual o impacto na sua Empresa

Em recursos humanos, “turn over” nada mais é que a rotatividade de funcionários, ou seja, o nome para os funcionários que entram e saem de uma empresa. O índice é calculado com base na proporção de demissões por novas contratações.

 

O que é turn over?

A rotatividade é a taxa de rotatividade de funcionários, que mede o número de funcionários que deixam uma organização durante um determinado período (geralmente um ano).

Embora as organizações normalmente meçam o número total de funcionários saindo, a rotatividade também se aplica a subcategorias dentro da organização, como departamentos individuais ou grupos demográficos.

Todo negócio tem uma taxa de rotatividade, o que é saudável até certo ponto. No entanto, uma taxa alta indica um problema: possivelmente má gestão, falta de infraestrutura, remuneração abaixo da média e possivelmente baixa motivação para a carreira.

A rotatividade muito baixa também não é boa. De acordo com o artigo da Forbes, “Este é um exemplo extremo de um desafio comum nas organizações: inércia de pensamento de grupo – um termo que descreve como a pressão para obedecer em um grupo interfere no pensamento crítico de um indivíduo, levando a más decisões”.

Portanto, uma empresa eficiente precisa conhecer e aplicar mecanismos para avaliar o impacto de determinadas ações no negócio para determinar o que funciona ou não no dia a dia. As consequências são variadas:

  • Seu impacto na produtividade, satisfação dos funcionários e lucros do negócio é imediato;
  • Investir na retenção de profissionais talentosos é ainda mais barato do que contratar novos talentos;
  • A equipe restante pode estar sobrecarregada com tarefas;
  • Essas constantes mudanças podem gerar turbulências no clima organizacional e, consequentemente, conflitos;
  • O reduzido volume de negócios preserva a imagem da empresa, bem como o capital financeiro e intelectual.

O faturamento não é de todo ruim, há vantagens, mas depende da forma de gestão e dos objetivos da empresa no mercado. Alguns benefícios da rotatividade ajudam a mudar ou melhorar os processos e o comportamento interno por meio da investigação aprofundada das causas e efeitos vivenciados.

 

Como calcular o Turn Over (rotatividade)?

Para este cálculo, você precisa de dados de entrada e saída para os funcionários da empresa. Esses números serão somados e divididos por dois. Por fim, o resultado deve ser dividido pelo número de trabalhadores no estabelecimento.

 

Essa é uma fórmula simples para calcular o turnover, mas pode ser correlacionada com diversas outras métricas para uma análise mais precisa da situação da empresa. A seguir, apresentamos os mais importantes.

Para este cálculo, você precisa de dados de entrada e saída para os funcionários da empresa. Esses números serão somados e divididos por dois. Por fim, o resultado deve ser dividido pelo número de trabalhadores no estabelecimento.

 

Tomemos como exemplo uma empresa com 100 funcionários, ela contratou 12, mas manteve 5. Como saber a taxa de rotatividade nesta situação?

E se:

Rotatividade = (Entrada + Demissão/2)/Número total de funcionários ativos

Rotatividade = 12 + 6/2 = 9/100 = 0,09

Ou seja, neste exemplo, a taxa de rotatividade é de 9%.

Essa é uma fórmula simples para calcular o turnover, mas pode ser correlacionada com diversas outras métricas para uma análise mais precisa da situação da empresa. A seguir, apresentamos os mais importantes.

 

Como o Turn Over afeta sua empresa?

Altas taxas de rotatividade podem afetar negativamente uma empresa e seus funcionários de várias maneiras. Com a necessidade constante de recrutamento e treinamento, é fácil se desviar da verdadeira missão e visão de uma organização.

Ao reter funcionários, você pode ter um impacto positivo nos resultados. O faturamento afeta diretamente a receita e a lucratividade de uma empresa. Aspectos que contribuem para isso incluem custos de treinamento da força de trabalho, perda de vendas e produtividade. É claro que o impacto na receita pode ser maior, dependendo do setor, cargo do funcionário e salário. Considere também os custos de caixa e desperdício de tempo do processo de seleção, publicidade e entrevistas. Isso sem falar nos custos trabalhistas.

Altas taxas de rotatividade também podem afetar o moral dos funcionários, pois alguns funcionários estão sobrecarregados para cobrir aqueles que saem.

 

Treinamentos e Consultoria – WIDE EDUCAÇÃO

Está com problemas quanto a rotatividade de sua empresa, a WIDE EDUCAÇÃO é especializada em criar soluções personalizadas para a sua empresa.

O trabalho é imersivo, onde identificamos os principais pontos de atenção e propomos soluções personalizadas para você e seus colaboradores.